quinta-feira, 1 de abril de 2010

COMILANÇA NA PRAIA !!!


Em 2000 fomos apresentar a praia a Pedro Augusto. Ele tinha então, 08 anos. E nunca havia ido à praia. Fomos para Piúma em Dezembro, antes da virada do ano...
A viagem por si só já foi uma aventura... Fomos de fusquinha: eu, Pedro, Nominando e Patrícia (dois amigos e namorados na época). E dividimos o aluguel de uma casa de praia.
Nesse dia da "comilança", saímos para comer pizza à noite. Entramos numa pizzaria que prometia ser a pizza mais gostosa de Piúma! PROMETIA!!!
Mas não foi isso que aconteceu! Pedimos uma pizza tamanho família e quando ela chegou parecia uma tábua: dura e horrível! Detestamos! Já estávamos estressados, quando Pedro falou que havia gostado dela e que a comeria inteira... Duvidamos é claro! A pizza era enorme e ele só tinha 08 anos... Não é que ele comeu... todinha... (até os pedaços que havíamos colocado no prato e desprezamos)!!! E isso tudo entremeado a coca-cola!!!
De barriga cheia pensei que se fóssemos a outro lugar para comermos, Pedro me daria sossego, pois que estava de barriga cheia, certo???
ERRADO! Saímos da pizzaria depois de pagar a conta e fomos a Feira do Sol. Lá chegando fomos para uma barraca que vendia espetinhos de frango com bacon. Cada um de nós (eu, Paty, Nando e... Pedro) comeu 2 espetinhos e um refri!
Pois é... Pedro comeu de novo...
Paty e Nando foram caminhar na praia e eu e Pedro decidimos passear mais um pouco antes de ir para casa. Passeando pela orla da praia, Pedro falou para mim que ainda estava com FOME... Fiquei pasmada!
_ Milene (ele não me chama de mãe)
_ Quero aquele cachorro-quente ali! Completo!
_ Mas Pedro! Você comeu uma pizza tamanho família, 2 espetinhos de frango e refrigerantes... Vai passar mal!
_ Não! Eu ainda estou com fome!
E ele comeu! um cachorro-quente completo com refri.
Depois do cachorro, decidi voltar para casa porque estava ficando tarde para ele dormir...
Foi quando indo para casa, o carro de churros passou pela gente e ele mais que depressa para fazer uma média, (já que havia falado para ele que não lhe daria mais nada, com medo de que passasse mal):
_ Mãe! Eu quero um churros de chocolate!
_ Um churros? E cabe mais um churros aí dentro dessa barriga, depois de tudo que você comeu?
_ Cabe sim Mãezinha! Posso comer?
_ Tá bom! Mas só o churros viu? E quando chegar em casa, você vai tomar bicabornato para não passar mal!
_ Tá bom!
E ele, gente! Comeu um churros de chocolate!
Quando chegamos em casa, fiz ele tomar um copo de água com bicabornato inteirinho...
Ele dormiu a noite inteira... Não sonhou, não falou (como de costume) e graças a Deus não passou mal!
No dia seguinte acordou todo feliz e ainda ficou me torrando a paciência para ir para a praia logo... (mas isso é outra história...)

4 comentários:

Mari Amorim disse...

Amiga
Feliz Páscoa!que suas esperanças sejam renovadas
Boas energias!
bjs
Mari:)

Sandra disse...

BOM DIA!!!
ALÉM DO FERIADO GOSTO VENHO LHE DESEJAR UMA LINDA E BELA PÁSCOA.
IZ PÁSCOA. QUE DEUZ ABENÇOE A SUA VIDA E TODA A SUA FAMILIA.
AGRADEÇO E RETRIBUO O SEU CARINHO NO BLOG. TODOS OS MEUS BLOGS AGRADECEM O SEU CARINHO.
DEIXO UM GRANDE ABRAÇO E ATÉ MAIS.
CARINHOSAMENTE,
SANDRA

TEM UM SELINHO NA CURIOSA DE PÁSCOA PARA VC.
PASSE LÁ.

Mauri Boffil disse...

hihihi, eu era assim quando era criança... tive uma overdose de manga uma vez e fiquei internado.
Beso

Amapola disse...

Nossa... que saúde que o Pedro tem... e muita gula também!
Jovem é outro papo, né?

Um abração para o Pedro e você.